Notícias

Novos monocasta irresistíveis e um enorme branco

Novembro 2020

“O produtor Costa Boal mantém forte aposta no Douro, apesar da sua operação em Trás-os-Montes continuar a dar frutos. Tanto assim é que lançou agora três novidades durienses, um enorme branco de 2015 e dois monocasta irresistíveis!”, sintetiza o jornalista Nuno Garcia da revista Vinho Grandes Escolhas de novembro de 2020.

Começa por observar o jornalista, “são poucos os produtores com vinhas de Alijó até Mirandela e Miranda do Douro, quase todas com várias dezenas de anos. Pode mesmo dizer-se que a empresa Costa Boal é tributária da riqueza de dois terroirs a norte – Douro e Trás-os-Montes – com várias gamas de vinhos nas duas regiões vitivinícolas”.

O novo reserva branco Costa Boal junta-se ao tinto Homenagem 2011, um vinho igualmente com capacidade de guarda e ambos tributo ao pai Augusto Boal, viticultor toda a vida no Douro, lembra-se também na reportagem.

Sobre o novo branco, acrescenta o jornalista, “o resultado é excelente, com a madeira em evidência neste momento, mas com uma prova de boca que está longe de se resumir a essa característica, num vinho muito rico e afinado, a dar imenso prazer e a prometer um futuro radioso nos próximos, pelos menos, cinco anos”. 

“Outra particularidade muito positiva nos novos Douro Costa Boal, certamente resultado da sinergia entre produtor e enólogo, é a leveza dos tintos agora apresentados”, conclui.

Partilhar em:
Scroll to top

Tem idade legal para consumir bebidas alcoólicas?

O conteúdo por trás desta porta é restrito. Certifique-se de ter 18 anos ou mais!